quarta-feira, 29 de junho de 2016

Perdi mais de 250 mil reais para a máfia nigeriana de golpistas


Estou corajosamente abrindo minha história para que outras mulheres tomem muito cuidado e nunca mandem dinheiro para pessoas que não conhecem pessoalmente. Quem ler isso, pode pensar “que ingênua”, “que burra”, mas quando você começa a se envolver e a se apaixonar, fica cega e por mais que pessoas tentem fazer você perceber que é tudo mentira, você sempre tem uma ponta de esperança de encontrar um grande amor.

Minha historia começou em outubro de 2014. Um homem que se dizia inglês chamado Sampson Kredits, filho adotivo de um grego e uma brasileira, viúvo, pai de 2 filhos, cuja esposa Catherine morreu no parto do último filho e que buscava uma namorada pelo site okcupid. 

No início, só conversávamos por e-mail. Ele se dizia proprietário de uma galeria de  artes em Londres. Depois de algumas semanas de contato, ele dizia que queria me conhecer mas, precisava ir para a Espanha comprar obras de arte e lá, não encontrou êxito em suas compras e foi para a África. E aqui, a saga se inicia. Sampson Kredits disse que precisava de dinheiro para liberar as mercadorias por navio para a Inglaterra e, começou a pedir dinheiro pois, nem para a comida e hospedagem ele tinha mais.  

Deste momento em diante, comecei a ajudar Sampson Kredits  financeiramente enviando dinheiro para Lagos/Nigéria para ele resolver os problemas e sair do país. Ele sempre colocava os filhos como trunfo para amaciar meu coração. Hoje eu tenho certeza que fui enganada. Mas, na época eu me envolvi e sempre quis ajudar por amor.

Após vários envios de dinheiro via Western Union e MoneyGram ele conseguiu voltar para a Inglaterra e lá ficou em quarentena por causa de uma suposto contato com o vírus Ébola. E a história foi que a justiça bloqueou todos os bens porque ele tentou sair do país em quarentena.
Daí, ele conseguiu um trabalho temporário na Shell Nigéria para conseguir dinheiro já que seus bens estavam bloqueados.

De lá, ele também pedia dinheiro e quando recebeu pelo trabalho, enviou via uma empresa de transporte áereo Trans Asia Courier esse dinheiro com documentos pessoais. Nesse momento, entra em cena, o intermediador chamado Jamal Hilton que levou mais de R$ 100.000 em contas de pessoas estranhas. Jamal Hilton dizia que eram impostos, transporte e para liberação alfandegária da caixa que nunca foi entregue. Outro estelionatário, além do Sampson Kredits.

Em seguida, Sampson Kredits saiu de Lago/Nigeria e foi parado em Johannesburg porque constava na lista negra do Brasil e não conseguia entrar aqui.
É uma história tão idiota e se escrúpulos que merece ser divulgada pela falta de respeito e dignidade desse homem Sampson Kredits . Deixei de dar aos meus filhos para ajudar essa pessoa sem caráter e criminosa. Perdi mais de R$ 200.000 com esse homem ao longo de quase 2 anos. Sim, fui burra, inocente e ingênua. Por isso, tomem cuidado.

Foto usada pelo golpista
Foto usada pelo golpista


------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você foi contatado(a) por um golpista(scammer) faça a denúncia e envie os dados para publicarmos e alertar para que outras pessoas não sejam enganadas.

Clique no link e preencha o formulário DENÚNCIA DE GOLPES VIRTUAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para denúncia e depoimento sobre ataque de scammers use o formulário disponível no link https://goo.gl/forms/r5yt6sJwQaAvu4Ql2.
Envio de fotos use o e-mail alertanaredescammers@gmail.com.
Não use termos ofensivos nem façam propaganda de produtos ou serviços, este espaço se destina a ajudar os usuários na identificação de perfis de golpistas!