domingo, 29 de maio de 2016

É constrangedora a experiência de como é fácil deixar-se enganar...

Sou apenas mais uma mulher enganada... 

Gostaria de deixar minha experiência negativa na intenção de ajudar na identificação dos bandidos do amor virtual. É constrangedora a experiência de como é fácil deixar-se enganar. O que me fez pensar muito sobre o que me aconteceu, é   o que fazemos com nos mesmos à ponto de nos deixarmos estar tão vulneráveis por carência afetiva, solidão e busca de alguém para dividirmos o nosso carinho e afeto, nosso amor, dividirmos nossas alegrias e tristezas  à ponto de nos  cegarmos para evidências tão claras que não  vemos  o óbvio  nessas mensagens de amor tão calorosas que nos  pescam.

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Como combater os perfis falsos nas redes sociais?

Estratégias para prevenir e preservar sua identidade na internet e estratégias para combater perfis falsos


Um dos incidentes que mais cresce na internet é o de "identity thief", ou melhor, "furto de identidade", que na lei brasileira seria tipificado como "falsa identidade" previsto pelo artigo 307 do Código Penal. Tem sido alto o número de solicitações para remoção de perfil falso nas redes sociais. Mas o que pode ser feito para prevenir ou combater este tipo de ameaça que faz com que aumente a insegurança digital?

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Quase me separei do meu marido por causa de um scammer que conheci no Facebook

Pensei muito antes de decidir por contar minha história.

Sou casada e quando estava em crise no meu casamento apareceu esta pessoa que me fez acreditar em tudo que ele falava. Estava sensível eu acreditei em tudo, mas graças a Deus não me separei do meu marido que estamos juntos ha 13 anos.

Tudo aconteceu quando eu entrei no meu Facebook e tinha uma solicitação de amizade desta pessoa, eu aceite e disse que era viúvo e que tinha uma filha. 

Ele começou a mandar mensagem com fotos e falava que estava na guerra no Afeganistão e que ele tinha muito dinheiro e outras coisas mais e ele me peridiu meus dados todos e eu dei e quando foi um dias depois ele disse que ele tinha mandado um pacote para mim, mas que eu tinha que depositar a taxa para ser enviado para o Brasil e eu paguei ai veio a desconfiança eu perguntei para ele se o pacote estava seguro ele me disse que sim, que tinha mandado por um serviço seguro, mas eu perguntei não se manda dinheiro desta maneira e foi ai que um dia me enviaram um Email dizendo que eu tinha que pagar uma outra taxa que o pacote tinha caído retido na alfandega ao entrar no Brasil, então eu ja fiquei desconfiada e ele não parava de mandar mensagem exigindo que eu pagasse a taxa então eu falei para ele que tinha ido para Polícia Federal, ele ficou bravo e queria que eu desse o jeito de pagar 4 mil dólares. Eu disse que não pagaria e ele continua mandando mensagem, mas não com frequência de antes.

Ele continua no Facebook, está na foto com roupa de militar o nome que ele usa é Ogona Eugene.
Foto usada pelo scammer (golpista)
Foto usada pelo scammer (golpista)


Depois disso conheci mais dois que se passaram por militar, mas desta vez eu não cai na conversa.


------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você foi contatado(a) por um golpista(scammer) faça a denúncia e envie os dados para publicarmos e alertar para que outras pessoas não sejam enganadas.

Clique no link e preencha o formulário DENÚNCIA DE GOLPES VIRTUAIS

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Minha história não é diferente das demais. Senão pelo montante desembolsado aos golpistas: 5.000 dólares

Foto usada pelo golpista
Em fevereiro/2016 o suposto militar Richard P. Montes - número de código militar 4514788 - e-mail: rmontez324@gmail.com - me convidou para adicioná-lo. Viúvo, 45 anos, com uma filha menor que estudava em colégio interno no Reino Unido. Eu, ingenuamente, o adicionei.

Referiu estar no Líbano e que logo iria para Abidjan/Costa do Marfim. Chegando à Costa do Marfim, em Abidjan, uma semana depois pediu-me para redigir uma petição ao Conselho Militar (militaryus.board@usa.com) que fica em Nova York, solicitando em meu nome (e meus dados) autorização daquele Conselho para concessão de uma licença de três meses para ele vir ao Brasil e providenciar nosso casamento. Claro que achei estranho; ele alegava que o esquadrão/pelotão iria ser destacado para a Síria e ele não queria ir, pois não se sentia bem de saúde.  Essa era a verdade dele. 
Suposta licença

O tempo foi passando e eu fui me envolvendo cada vez mais emocionalmente com o pilantra.  Primeiro, pediu ajuda de 296 dólares para ajudar no pagamento da suposta licença, que cobrava 10.200 dólares, e que esse valor seria reembolsado a ele quando retornasse ao campo militar decorridos os 3 meses. Que me pagaria quando chegasse em Chicago/USA, sua cidade de destino. A tal licença foi expedida em 16/02/2016. Depois de ele pagar a tal licença, e ter ficado sem um tostão, pediu ajuda de 500 dólares para comprar a passagem aérea para Chicago, cujo vôo faria conexão em Dubai, nos Emirados Árabes. Aí, começou o inferno na minha vida. Lá no aeroporto de Dubai foi barrado pela imigração por estar viajando sem passaporte e somente com identidade militar; desembolsei 1.180 dólares em nome  de um suposto funcionário da segurança do Aeroporto, Mike Ebuka Ozurumba (Dubai/Emirados Árabes) para sua liberação. Após ser liberado pela imigração, passou mal e esse Mike o levou a uma clínica particular. A clínica custou 1.200 dólares enviados ao um tal de Dr. Jihad Asatar - jihad.asatar@yahoo.com - que estaria em uma conferência médica em Abidjan/Costa do Marfim.

Chegando em Chicago, sua conta bancária estava bloqueada porque, como viúvo, sua única herdeira era a esposa falecida, Ruth Loh Montes, que morrera em um acidente automobilístico na expresso Chicago, 6 anos atrás. Referia ele que quando ia para a guerra era como assinar sua sentença de morte.

Suposta Certidão de Casamento

Só mesmo vivenciando para acreditar no emaranhado de conversa. Depois de muito blá blá blá, disse que precisaria pagar uma tal Elizebert Estrada - leticiaestrada299@gmail.com -  do campo militar em Abidjan - para poder liberar sua conta. Para ela enviei 1.480 dólares. Depois de ter enviado toda a dinheirama, ele criou um novo perfil no facebook com o nome de Derek Fordman (derekfordman@yahoo.com), seu suposto advogado que teria providenciado nosso casamento on line (ver certidão). Por fim, meus filhos descobriram e foi quando a ficha caiu que eu estava sendo vítima de um golpe. Hoje, ele está me chantageando com fotos minha comprometedoras, apesar de estar bloqueado, e-mail estão chegando como spam. Estou com a dívida contraída, e tentando pagar à medida do possível. Vou sobreviver.

Perfil falso no Facebook
Fica aqui o meu depoimento para que outras pessoas não acreditem em qualquer um e, em hipótese alguma enviem dinheiro para desconhecidos. Peço a vcs que publiquem todos os e-mails e fotos aqui enviados.

Foto usada pelo golpista
Foto usada pelo golpista
Foto usada pelo golpista
Foto usada pelo golpista


------------------------------------------------------------------------------------------------
Se você foi contatado(a) por um golpista(scammer) faça a denúncia e envie os dados para publicarmos e alertar para que outras pessoas não sejam enganadas.

Clique no link e preencha o formulário DENÚNCIA DE GOLPES VIRTUAIS

domingo, 15 de maio de 2016

Scammers na rede: perigo real



Golpistas virtuais ou scammers atacam nas redes sociais. Amor Virtual pode ser um fake.

Homem usado por scam: Difícil saber o verdadeiro
nome da pessoa que foi usada no perfil falso
Apesar da utilidade incontestável das redes sociais, principalmente do Facebook, há um perigo assíduo nelas. Perfis falsos estão sendo criados para ludibriar internautas. Golpistas virtuais ou scammers se valem de muito bate papo e psicologia para arrancar dinheiro de seus "amigos virtuais". 

A máfia nigeriana é mais conhecida entre os internautas. Segundo o blog Alerta na Rede, os scammers conseguem roubar cerca de 200 milhões de dólares de suas vítimas através de estelionato e falsidade ideológica. O cotidiano de um golpista virtual se resume em criar um perfil falso, usando fotografias ou imagens alheias para, em seguida, atrair, convencer, seduzir e enganar os incautos usuários das redes sociais. O alvo são pessoas maduras e bem resolvidas.

Fonte: http://br.blastingnews.com

---------------------------------------------------------------
Ajude-nos a melhorar esse trabalho, votando na nossa pesquisa!!
As informações do blog ajudaram você? 
Responda clicando aqui (a enquete está no canto direito, acima do botão "Pesquisar no blog")

ATENÇÃO: Se o acesso for por Smartphone, vá até o final da página e clique em "Visualizar versão para web".

sábado, 14 de maio de 2016

Viúva aposentada vende carro para enviar dinheiro a namorado que conheceu na internet

Uma brasileira, viúva, aposentada vendeu seu único carro para enviar dinheiro para um golpista (scammer) que conheceu na internet e perde cerca de 12 mil reais em dois anos e dois meses de "relacionamento online".

Veja o depoimento enviado pela vítima à redação do Alerta na Rede.

Fui enganada por mais de dois anos pelo golpista que usava os nomes de Harry Gibson Ned, Harry Ned, Ned Harry e vários nomes de McCoy, diz ser norte americano de manassas av san diego, tem 48 anos  nasceu em 14 de dezembro de 1967 num dia de quarta feira, seu endereço na índia é 34 aruna asif alir ali road vassant kung 110070. Eu sempre enviei dinheiro pra esse endereço e ele sempre recebeu. Seu número de telefone (91)965411490, o e-mail dele é harryned@yahoo.com, ele disse que quer vir casar comigo mais diz que não pode vir porque precisa eu enviar mais 5 mil reais pra ele pagar passagem, eu não tenho mais dinheiro.

Ele vive pegando dinheiro das mulheres, é sínico, paciente pra conseguir o que quer. Ele me enrolou 2 anos 2 seis meses  e desde do dia que conheci enviei dinheiro pra ele, me pediu dinheiro pra passagem pra vir para o brasil eu enviei passagem 3 vezes sempre dava desculpas e não veio.

Quando começamos conversar, ele disse que era solteiro e que não aguentava mais viver sozinho, e que eu toquei o coração dele, então disse que queria vir para o brasil e se casar comigo mas precisava de ajuda, uma pequena ajuda na passagem, eu enviei 1.200 reais e ele disse que não era suficiente, eu disse que não tinha, mas ele disse que eu não era séria, então enviei mais 2,900 e ele disse que não era o suficiente pois tinha que pagar a bagagem e enviei mais 2,500, enfim enviei 6,600 reais só num ano. 

Ele me pedia e eu acabava enviando, enviei mais 2,790 e depois de um ano começou dizendo que estava com o aluguel atrasado e sem comida  e durante 5 meses eu enviei 500 reais

Ele tem milhares de perfis por nome mccoy e harry ned, ned harry no Facebook. Enfim me enviaram muitas mensagens dizendo que ele era scammers até que um dia eu procurei e vi uma denuncia em caça scammers, ai foi o fim, eu não enviei mais dinheiro .e ele disse que só falaria comigo quando eu enviasse mais dinheiro "porque eu não sou mulher séria"   tem base uma coisa dessa? Me disse coisas horríveis como: "lixo, mulher caída, porcaria, mentirosa". Cheguei a vender meu carro para enviar dinheiro a ele.


---------------------------------------------------------------
Ajude-nos a melhorar esse trabalho, votando na nossa pesquisa!!
As informações do blog ajudaram você? 
Responda clicando aqui (a enquete está no canto direito, acima do botão "Pesquisar no blog")

ATENÇÃO: Se o acesso for por Smartphone, vá até o final da página e clique em "Visualizar versão para web".