sábado, 12 de julho de 2014

Ação e Reação: Internautas dão o troco em golpistas virtuais


  Arquivo  
 Polícia e internautas combatem versão digital do 'conto do vigário
By Ana Maria Almeida


Ação e reação: muitos internautas decidiram dar o troco e atazanar a vida dos golpistas virtuais. A idéia gerou uma nova modalidade de ‘diversão’ na internet, o “Scam Baiting”, que tem como objetivo principal se divertir às custas de quem pratica o “419 Scam”, uma versão digital do velho “conto do vigário”. O golpista usa sempre o mesmo tipo de história: manda um e-mail para várias 'vítimas' em potencial, fingindo ser uma pessoa desesperada, parente (um filho, irmão, viúva) de alguém muito rico (empresário, militar, presidente) que desapareceu ou morreu, e que deixou milhares de dólares retidos em uma conta corrente. O dinheiro, lamenta o golpista no e-mail, será perdido se não for transferido para um banco em outro país. É aí que o internauta cai no conto do vigário...ou no conto do “419 Scam”. Para transferir o dinheiro, o remetente pede que a vítima forneça informações sobre a própria conta bancária. Em troca, é oferecida porcentagem no dinheiro que será transferido. Com as informações em mãos, o golpista zera a conta corrente da vítima.

O número de internautas desavisados que caíram nessa história é tão grande, que as autoridades americanas (leia-se FBI e Interpol) têm equipes montadas especialmente para tentar prender os vigaristas e unidades especiais trabalhando com a polícia dos principais lugares usados como base para os golpes: Nigéria e Holanda. Enquanto a polícia tenta localizar os golpistas, internautas do mundo todo se uniram para dar o troco na mesma moeda e criaram o “Scam Baiting”. O que eles acabaram descobrindo é que os vigaristas podem ser tão crédulos e ingênuos quanto suas vítimas. A prática virou diversão na internet, um verdadeiro esporte virtual. Os internautas fingem ter caído no golpe, respondem os e-mails dos golpistas e mostram interesse no negócio. Para convencer o vigarista, os internautas inventam histórias tão absurdas quanto à do próprio golpista e assinam com nomes fantasiosos, como “James T.Kirk” (o capitão de Jornada nas Estrelas’), com direito a passaporte com foto do ator que interpretava o capitão (William Shatner) usando o uniforme da Frota Estelar.

Uma das ‘vítimas’ ganhou o coração do golpista enviando fotos sensuais da atriz Gillian Anderson (a agente Scully de Arquivo X) e contando uma história complexa que envolvia até o personagem Neo de Matrix. O golpista ficou apaixonado e pediu a ‘vítima’ em casamento. Alguns praticantes do “Scam Baiting” vão tão fundo na arte de enrolar os golpistas que conseguem documentos e provas do crime digital, tudo prontamente encaminhado ao FBI. As histórias e estratégias do Scam Baiting já estão reunidas em dois sites que encorajam a prática. O 419 Eater e o Scamorama têm uma coletânea de e-mails do tipo “419 Scam” e aceitam contribuições de leitores. As páginas que combatem os vigaristas são recheadas de dicas para dar o troco sem entrar numa fria. Elas ensinam como responder ao e-mail do golpista com um endereço eletrônico de mentira, criar bancos falsos, contas correntes inexistentes e enrolar o vigarista durante meses. E vão além: reúnem estratégias para deixar o golpista desesperado, acreditando que a 'vítima' está indo para o país dele, interessada em ajudá-lo. Os praticantes do “Scam Baiting” dizem que se os golpistas gastaram o tempo do internauta com download da mensagem, leitura, etc., o internauta tem direito de revidar. Os sites são em inglês, mas a principal mensagem deles é: tenha sempre muito cuidado. Na internet, não divulgue informações pessoais ou que permitam que você seja identificado. Nunca acredite em uma única palavra dos golpistas: eles são profissionais, são ladrões virtuais. E todo internauta é uma vítima em potencial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para denúncia e depoimento sobre ataque de scammers use o formulário disponível no link https://goo.gl/forms/r5yt6sJwQaAvu4Ql2.
Envio de fotos use o e-mail alertanaredescammers@gmail.com.
Não use termos ofensivos nem façam propaganda de produtos ou serviços, este espaço se destina a ajudar os usuários na identificação de perfis de golpistas!